As digressões fazem parte do calendário orfeónico desde 1913, ano em que nos deslocamos pela primeira vez a Espanha. Desde então, o OUP já se apresentou pelo continente europeu, africano, americano e asiático em inúmeras digressões.

Todos os anos por altura da paragem lectiva da Páscoa, o OUP realiza igualmente a sua Digressão de Páscoa, levando o seu espectáculo único aos mais variados cantos do país.
No Verão, o OUP costuma realizar uma digressão internacional, cumprindo com a sua longa tradição de grande embaixador cultural da Universidade do Porto e divulgando o melhor da cultura portuguesa além-fronteiras.

Com uma enorme variedade artística espalhada por doze grupos, é recorrente a participação do OUP em festivais internacionais com um dos ou mais dos seus vários grupos.


DIGRESSÕES:

2018 – Grécia
2017 – Espanha (Compostela, Fado Académico)
2017 – Itália (Coro)
2017 – Namíbia (TUP)
2016 – Açores
2016 – Marrocos (Agadir, Fado Académico)
2016 – Espanha (Múrcia, TUP)
2015 – Espanha, França, Suíça, Luxemburgo
2015 – França (Confollens, Pauliteiras de Miranda)
2015 – Espanha (Valladolid, Fado Académico)
2013 – México (TUP)
2012 – Grécia (Danças, Pauliteiros, Pauliteiras)
2012 – Madeira (Funchal, Fado Académico)
2012 – Espanha (Murcia, TUP)
2012 – França (Bordéus, Fado Académico)
2011 – Espanha (Murcia, TUP)
2011 – Turquia (Istambul, Pauliteiros de Miranda)
2011 – Madeira (TUNAF)
2011 – Venezuela (TUP)
2011 – Espanha (Corunha, Fado Académico)
2010 – Venezuela (TUP)
2010 – Espanha (Granada, TUP)
2010 – Tunísia (Fado Académico)
2010 – França (Paris, Pauliteiros de Miranda)
2009 – Líbia (Fados de Lisboa)
2009 – Espanha (Boiro, Pauliteiros de Miranda e Maçadeiras)
2009 – Venezuela (TUP)
2009 – França (Condom, TUNAF)
2009 – Espanha (Granada, TUP)
2009 – Madeira (TUP)
2008 – Espanha (Almeria, TUP)
2008 – Alentejo (Grupo de Cante Alentejano)
2006 – Espanha (Murcia, TUP)
2005 – Espanha (Alcalá de Henares, TUP)
2005 – Brasil
2004 – Argentina (TUP e Fado Académico)
2003 – Madeira
2003 – Espanha (Murcia, TUP)
2003 – Alemanha (Wewelsburg, Pauliteiros de Miranda)
2002 – Grécia
2002 – Espanha (Hinojosa, TUP)
2001 – Cabo-Verde
2001 – Espanha (Murcia, TUP)
2001 – França e Suíça (TUP)
2000 – Espanha (Murcia, TUP)
2000 – Espanha (Las Palmas Gran Canaria, TUP)
1999 – Espanha (Jaen, TUP)
1998 – Brasil
1998 – Argentina (Buenos A., S.S. de Jujuy. TUP e Fado Lisboa)
1998 – Espanha (Murcia, TUP)
1997 – Espanha (San Sebastian, TUP)
1997 – Espanha (Murcia, TUP)
1997 – Espanha (Almeria, TUP)
1996 – Açores
1996 – Espanha (Granada, TUP)
1995 – Malásia, Tailândia, Macau
1995 – Espanha (Granada, TUP)
1995 – Espanha (Murcia, TUP e TUNAF)
1995 – Espanha (Santiago de Compostela, Pauliteiros)
1994 – África do Sul, Angola, Cabo-Verde
1994 – Espanha (Murcia, TUP e TUNAF)
1994 – França (Rodez. Pauliteiros, Douro, Minho e Fado Acad.)
1994 – Holanda (Eindhoven, TUP)
1994 – Espanha (Burgos, TUP)
1993 – Índia, China, Macau
1993 – Espanha (Murcia, TUP e TUNAF)
1992 – Estados Unidos da América
1992 – Espanha (Vigo, TUP)
1992 – Madeira (TUP)
1992 – Espanha (Murcia, TUP)
1992 – Bélgica (Bruxelas, TUP e TUNAF)
1991 – Brasil
1991 – Espanha (Murcia, TUP)
1991 – França (Belfort, Fado Académico)
1991 – França (Condom-en-Armagnac, TUNAF)
1990 – França (Belfort, Fado Académico)
1989 – Açores
1988 – Inglaterra
1987 – Suíça, Alemanha, Polónia
1987 – Espanha (Burgos, TUP)
1986 – Grécia
1985 – Suíça, Alemanha
1983 – Madeira
1982 – França
1981 – França
1980 – Grécia
1978 – Itália
1977 – Madeira
1976 – Açores
1973 – Venezuela
1971 – Angola
1970 – Açores
1969 – Moçambique, África do Sul, Angola
1968 – Estados Unidos da América
1967 – França
1965 – Brasil
1962 – Angola
1959 – Moçambique
1956 – Angola
1955 – Espanha
1953 – Espanha
1951 – Espanha
1949 – Madeira
1947 – Espanha
1928 – Espanha
1924 – Espanha
1922 – Espanha
1913 – Espanha


DIGRESSÕES DE PÁSCOA

2018 – Trás-os-Montes
2017 – Viana do Castelo
2016 – Évora
2015 – Buarcos
2014 – Valença
2013 – Castelo Branco
2012 – Santa Marta de Penaguião
2011 – Tomar
2010 – Guimarães
2009 – Alentejo (Évora)
2008 – Nordeste Transmontano
2007 – Cantanhede
2006 – Vila Nova de Cerveira
2005 – Nelas
2004 – Alentejo (Beja)
2003 – Miranda do Douro (Sendim)
2002 – Celorico da Beira
2001 – Peniche
2000 – Seia
1999 – Fafe
1998 – Alto Alentejo
1997 – Vila Praia de Âncora
1996 – Vila Real
1995 – Alentejo e Algarve
1994 – Mirandela
1993 – Tortosendo
1992 – Lourinhã
1991 – Nazaré
1990 – Bragança
1989 – Moncorvo
1988 – Beja
1987 – Chamusca. Golegã
1986 – Figueira da Foz
1982 – Portalegre
1967 – França
1965 – Espanha
1962 – Espanha